quarta-feira, 30 de dezembro de 2009

Lua-de-mel - Cuidado com a escolha da agência de turismo

Imaginem a cena: vocês passaram meses planejando o casamento, tudo ocorre perfeitamente como planejado. No dia seguinte, ainda em total êxtase pegam suas bagagens para seguirem rumo à lua-de-mel sonhada, com a certeza de que irão selar com 5 estrelas o amor de vocês. É a primeira viagem dessa nova vida, a vida de casados, e será lembrada para sempre.

Mas aí, aquela agência que vocês escolheram e com quem fecharam um pacote ou simplesmente compraram as passagens ou reservaram o hotel te deixam na mão. Ou porque o vôo não era aquele combinado, ou porque o hotel que anunciaram como sendo excelente e bem localizado, fica numa região totalmente diferente do que sonharam, os serviços do hotel são ruins, o quarto tem duas camas e não cama de casal, ou não tem aquela banheira que vocês enfatisaram tanto que queriam...

Enfim, qualquer uma dessas hipóteses é considerada grave defeito na prestação do serviço e a agência é responsável, seja porque não teve o zelo na escolha do hotel, seja porque deliberadamente prometeu uma coisa e entregou outra. Com ou sem intenção de "se dar bem" a agência é responsável.

@@@

Eu, por exemplo, quase tive o desprazer de reservar o hotel com o STB e descobrir só em Viena que o quarto não tinha banheiro (o que não é raro na Europa) e o hotel era muito distante da estação de trem e dos principais pontos turísticos.
Felizmente, com a empolgação do planejamento da viagem vim para internet fazer pesquisas e descobri as condições do hotel. Quase me dei mal...
E olha que eu havia deixado claro para a menina que me atendeu o que procurava.
Caí fora enquanto era tempo e planejei toda a viagem sozinha usando a internet.
Indico o site http://www.booking.com/ para procurar hotéis e fazer reservas - lá tem opinião dos hóspedes sobre os hotéis, indicação das distâncias, fotos - e o melhor, pode fazer a reserva com o cartão de crédito e cancelar depois se quiser, desde que respeitadas as condições, sem pagar nada.
Também busquei hotéis em outros sites legais, já que fomos em várias cidades.

Trouxe esse assunto para o blog motivada pela notícia que li sobre uma agência de turismo que foi condenada a indenizar o casal que viajava em lua-de-mel. Segue um trecho:

Para o Juiz José Antônio Coitinho, da Comarca de Porto Alegre, é “importante ressaltar que os autores não estavam fazendo uma viagem qualquer, viagem de férias ou simples passeio; estavam em lua-de-mel, momento único na vida de um casal. E, em se tratando de viagem de lua-de-mel, os efeitos estressantes e frustrantes da prestação defeituosa dos serviços são ainda mais profundos, pois normalmente um casal tem na lua-de-mel um período inesquecível de suas vidas, cercado de romantismo e de boas lembranças”. E no caso em tela, assevera o Juiz, a recordação dos autores restará marcada pela frustração do que ocorreu.

Fica aí o alerta para todas as noivas e noivos que estiverem escolhendo o que fazer e para onde ir na lua-de-mel.

Beijos para todos e Boa viagem!!!

1 comentários:

Ju disse...

Eu e o noivo não gostamos muito de agências de viagens, e como o noivo adora viajar, combinamos que cuido casamento e ele da nossa viagem de lua de mel!

Já compramos todas as passagens de avião e já estamos fechando os hotéis! Hoje em dia com internet é super tranquilo de programar a própria viagem!

beijos, ju

Related Posts with Thumbnails